Eu esqueci como se fala?

Claro que eu não me esqueci literalmente como movimentar a laringe, mas sim esqueci como falar com as pessoas, ao menos é isso o que eu acho que deve ter acontecido. Embora eu só tenha conhecido as pessoas do meu pequeno porém enorme grupo social porque, a maioria e os primeiros, eram meus colegas, foi por causa deles que comecei a fazer amizades com outras pessoas, pois eram amigas dos meus colegas. Eu pareço ter perdido essa incrível habilidade minha.

Claro que eu posso ter aquele círculo vicioso de amigo de amigo = amigo, sendo que então o novo amigo tem outros amigos dos quais eu fico amigo e amigos do amigo do novo amigo que conheci por causa do amigo, mas essa não pode ser a minha única maneira de fazer uma amizade.

7396455146_330b1953bb_c

Não tem absolutamente NENHUMA imagem de pessoas conversando em toda a internete!
Imagem

E é essa a minha habilidade perdida, a habilidade de falar tanto até que consigo fazer um novo amigo. É tipo The Sims, quando você conversa tanto com a pessoa, ela acaba sendo sua amiga porque não tem outra opção. Eu tento, mas tá muito mais difícil para mim fazer uma nova amizade hoje em dia… Creio eu que possuo três culpados principais.

Os três culpados se chamam Fábio, Rafael e Gelson, que são os meus amigos com o maior círculo de amizades que eu conheço, era justamente por causa deles que eu conhecia as pessoas. Como estava sempre por perto, era impossível não esbarrar em algum conhecido deles e não começar a o conhecer. Malditos, que por serem inteligentes demais, acabaram por ir para a faculdade.

Essa é a barra que alguém que estava incluído em um círculo social tem que segurar. Ao se desassociar do círculo, precisa criar o seu próprio. Essa é, na verdade, talvez até mesmo uma lição de vida, realmente. Só é uma pena que eu não tenha vontade o suficiente para falar com alguém.

copy-students-talking

Tem, mas possui copyright. Imagem: ESL Speech Connect

É como eu sempre digo: tendo um blog, uma cama e um cérebro, você tem tudo o que vai precisar para a vida, o resto é apenas um bônus.

*após reler o texto escrito e perceber que sente falta dos antigos amigos, Lucas dá um suspiro pesado, que o faz lembrar de alguns bons momentos que passou com eles.*

Mas o ano começou agora, ainda há muita mais coisa planejada para 2014. E esse é o terceiro post que envolve algo relacionado à escola, eu realmente estou querendo amaldiçoar o Cronicis…

Compartilhe e comente, porque sim!


Lucas Zanella

No blog posto geralmente textos de opinião assim como também histórias curtas. Aqui você encontrará fantasia, terror e ficção científica. Talvez até mesmo algum drama ocasional.

Comente a postagem! :)