O indomável e tempestuoso mar de spoilers

Antes de mais nada, perdoem-me, caros leitores transparentes, pois nada posto há mais de mês. Gostaria de deixar claro que meu silêncio não deve ser entendido como um sinal de má fé, e sim estava a completar um romance baseado na história do ano passado, O Feiticeiro. Postaria um trecho, mas creio que as linhas que permanecerão nas páginas ainda são desconhecidas por completo para mim. Além disso, tampouco comecei a revisar, estou esperando o manuscrito esfriar, afinal, acabei de retirá-lo do forno. Sim, um mês de escrita, e creio que agora não tenho mais nenhuma obrigação para com o NaNoWriMo; já trajo o cinto de campeão de 2014 e o de 2015 já me foi garantido, perante regras maleáveis.

P10906812

Agora, falando sobre os acontecimentos importantes da minha vida, eis outro: li A Guerra dos Tronos. E comecei a ver o seriado quando estava a menos de cinquenta páginas do fim, então percebi que eram, na verdade, vinte, por conta do apêndice, aquele pequeno bastardo.

Li o livro, apesar de ser o seriado que está na moda, então creio que seja um certo tipo de rebelde. Tyrion aprovaria este tipo de rebeldia. Li o livro, também, apesar de já o saber por completo. A internet é uma vadia, isto deve ser dito e deixado claro para todos. Uma vadia. Linda, graciosa e formosa, sim, mas uma vadia mesmo assim.

Saiba que esta vadia me contou tudo o que não queria saber e mais, quando cheguei para ler livro, podia muito bem talvez recitar linha por linha dos acontecimentos. Desde “As coisas que fazemos por amor” até todos os cracs em torno de Daenerys, eu sabia. Pense na internet como uma grande tela que mostra coisas múltiplas, e então pense em si próprio como um torturado sentado numa cadeira de ferro e com grandes conchas espinhentas mantendo-lhe os olhos abertos, é assim que eu a vejo.

Poderia falar que direi spoilers de Game of Thrones, mas, francamente, você já os sabe. Eu já os sei e recém completei o primeiro livro da série.

 

BmFJThdIIAA5V3W

E a brutalidade dos spoilers está nas coisas mais simples, como comentários do Facebook. A parte do decepamento da mão de Jaime Lannister eu descobri principalmente por fotos como essas em comentários. Mas gods be bad, há muito mais, e vós sabeis. Começaremos pelo simples, a morte de Eddard Stark, morto pelo Joffrey, em frente a Sansa, enquanto Arya andava pela multidão; creio que este me tenha chegado através de um GIF.

Vejamos… A mente me falha, perdoe-me, é a idade que já me é demasiada avançada.

Joffrey morre, sim, por envenenamento, e então Tyrion é dito culpado. Este foi… um vídeo, sim, era um clipe dentro de outro vídeo que assistia e o spoiler não me atingiu na época, pois não assistia ou lia a história. Agora, navegando os mares do Twitter, fonte principal de spoilers, vejo que provavelmente Jon morre na quinta temporada, isto foi numa imagem postada por Maisie Williams. Posso não estar acompanhando o seriado (ou não ter acompanhado), mas a atriz é incrível de qualquer maneira. E agora, quando vi há pouco, o spoiler me atingiu como uma facada no peito.

Essa não é uma postagem que lhe dará grandes pensamentos filosóficos, é mais para eu deixar alguma coisa no blogue enquanto escrevo a próxima história. Ela tem zumbis. Não a julgo muito boa, mas postarei mesmo assim, tenho até feito algumas pesquisas para a escrever.

E agora parto para o Submarino a fim de comprar o segundo livro. Farei abstinência internetal até o ano das Olimpíadas, isto é, se a tentação não me corromper antes. E, convenhamos, eu sou um corrompido de nascença. Vejo-os amanhã, e pelo amor de Deus, não deixe que eu veja algum outro spoiler, pois o próximo pode me matar.

P10906842Gostei das duas, não consegui escolher apenas uma. Ambas P&B por conta da minha câmera de merda.


Lucas Zanella

No blog posto geralmente textos de opinião assim como também histórias curtas. Aqui você encontrará fantasia, terror e ficção científica. Talvez até mesmo algum drama ocasional.

Comente a postagem! :)